Procedimentos / Exames

Procedimentos

Punção Lombar: Procedimento de rotina para a coleta do líquor.

Punção Cisternal (suboccipital): Via de acesso alternativa para a coleta do líquor em situações clínicas que a punção lombar está contraindicada.

Punção Cervical Lateral: Via de acesso alternativa para a coleta do líquor em pacientes politraumatizados com mobilidade prejudicada.

Drenagem Terapêutica do Líquor: Pacientes com hipertensão liquórica (punção de alívio) ou hidrocefalia de pressão normal (prova terapêutica para diagnóstico).

Tap Test: Drenagem terapêutica do líquor acompanhada de uma avaliação neurológica/neuropsicológica, antes e após a punção lombar, com o objetivo de auxiliar o diagnóstico da síndrome neurológica associada a hidrocefalia de pressão normal.

Raquimanometria: Medida da pressão liquórica no ato da punção lombar que auxilia o diagnóstico das síndromes neurológicas associadas a hipertensão ou hipotensão intracraniana.


Exames realizados no líquido cefalorraquiano (líquor)

O exame de líquor de rotina inclui um conjunto de testes citológicos, bioquímicos, microbiológicos e imunológicos com o objetivo de auxiliar o diagnóstico das principais síndromes inflamatórias e infecciosas que acometem o sistema nervoso. Este protocolo estruturado de investigação é concluído com um laudo. De acordo com a indicação clínica do médico assistente, outros testes complementares podem ser solicitados e incluídos para melhor elucidação diagnóstica.

  • Citologia Global e Diferencial.
  • Citologia Oncótica (pesquisa de células neoplásicas).
  • Imunofenotipagem/Pesquisa de Clonalidade T e B: Auxílio diagnóstico das leucemias e linfomas que podem infiltrar o sistema nervoso (espaço subaracnoideo).
  • Proteínas totais;
  • Glicose;
  • Lactato;
  • Cloro;
  • ADA: Auxílio no diagnóstico da neurotuberculose;
  • LDH;
  • ECA (enzima conversora da angiotensina): Auxílio no diagnóstico da neurosarcoidose;
  • Bacterioscopia direta (Gram);
  • Pesquisa direta para fungos (tinta da China);
  • Pesquisa direta para micobactérias/BAAR (Ziehl);
  • Pesquisa de antígenos bacterianos (látex): Neisseria meningitidis (A,B,C,Y/W135), Haemophilus influenzae tipo b, Streptococcus pneumoniae, Escherichia coli e Streptococcus grupo B
  • Pesquisa de antígenos fúngicos (látex para Cryptococcus neoformans);
  • Cultura para germes comuns e teste de sensibilidade aos antibióticos (TSA);
  • Cultura para fungos;
  • Cultura para microbactérias;

Pesquisa de anticorpos (IgG/IgM) para diferentes agentes infecciosos que acometem o sistema nervoso.

  • VDRL: Padrão ouro para diagnóstico da neurosífilis;
  • ELISA Sífilis: Pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico da neurosífilis;
  • FTAABS Sífilis: Pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico da neurosífilis (método IFI);
  • ELISA Cisticercose: Pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico da Neurocisticercose;
  • ELISA Toxoplasmose: Pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico da Neurotoxoplasmose;
  • ELISA Lyme: Pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico da Neuroborreliose (Borrelia burgdorferi);
  • IFI Schistosomose: Pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico da Neuroschistosomose.
  • ELISA para agentes virais (pesquisa de anticorpos para auxílio no diagnóstico de infecções virais que acometem o sistema nervoso): Herpes simples, Varicela zoster, Citomegalovírus, Epstein Barr (EBV), HIV, HTLV, Dengue, Mycoplasma pneumoniae;

Pesquisa de DNA ou RNA para diferentes agentes infecciosos que acometem o sistema nervoso através da metodologia do PCR (polimerase em cadeia). Estes testes são fundamentais para o diagnóstico etiológico das meningites e encefalites agudas.

  • Herpes simples tipo 1
  • Herpes simples tipo 2
  • Varicela zoster
  • Citomegalovírus
  • HHV-6
  • HHV-7
  • Epstein-Barr (EBV)
  • Enterovírus
  • JC vírus e BK vírus
  • Zika
  • Listeria
  • Paramixovírus
  • Parvovírus
  • Histoplasmose
  • Adenovírus
  • HIV (PCR quantitativo)
  • Mycoplasma
  • Toxoplasma gondii
  • Tropheria Whippeli
  • Mycobacterium tuberculosis

Biomarcadores

Pesquisa de proteínas específicas no líquor e/ou soro que auxiliam no diagnóstico das síndromes infecciosas subagudas/ crônicas e síndromes inflamatórias autoimunes.

  • Pesquisa de bandas oligoclonais IgG;
  • Índice de anticorpos específicos (MRZR);
  • Índice de IgG;
  • Índice de IgA;
  • Índice de IgM;
  • Pesquisa de anticorpos anti-aquaporina 4 (soro);

Pesquisa de proteínas específicas que auxiliam no diagnóstico de infiltração neoplásica do sistema nervoso.

  • Alfafetoproteína;
  • Antígeno Carcinoembrionário (CEA);
  • HCG;
  • Beta 2 microglobulinas;
  • Enolase;

Pesquisa de proteínas específicas que auxiliam no diagnóstico das síndromes demenciais e outras doenças neurodegenerativas.

  • Proteína Tau;
  • Proteína P-Tau;
  • Proteína beta amilóide;
  • Proteína 14.3.3;

Pesquisa de autoanticorpos específicos (líquor e/ou soro) que auxiliam no diagnóstico de síndromes paraneoplásicas e outras síndromes autoimunes do sistema nervoso (ex, encefalites límbicas).

  • Painel 1: Anfisina, ANNA-1, ANNA-2, AGNA-1, PCA-1, PCA-2, PCA-Tr, CRMP-5, anti-NMDA (líquor);
  • Painel 2: Anfisina, ANNA-1, ANNA-2, ANNA-3, AGNA-1, PCA-1, PCA-2, PCA-Tr, CRMP-5, anti-Tr, CV2, anti-NMDA, VGKC, antimúsculo estriado, ligadores do canal de cálcio – tipo P/Q, ligadores do canal de cálcio – tipo N, ligadores do receptor de acetilcolina, receptor gangliônico neuronal da acetilcolina, ligadores do canal de potássio neuronal V-G (soro);
  • Painel 3: Anfisina, anti-HU, anti-YO, anti- RI, anti-CV2, MA2 (líquor);
  • Anti-NMDA (líquor ou soro)

Nossos Contatos

  • Endereço: Praia do Flamengo, 66;
    Bloco B - Sala 620 - Flamengo
    CEP.: 22.210-030 Rio de Janeiro / RJ;
  • Recepção Coleta/Resultado: Sala 620 Laboratório de Análise: Conjunto 219-220
  • [email protected]
  • Central de Atendimento
    (021) 3850-5900
    (021) 2556-5541
    (021) 2557-4038
    (021) 2557-4731

Conheça Nosso Laboratório

  • 01 (254)
  • 01 (196)
  • 01 (65)
  • 01 (6)
  • 01 (254)
  • 01 (196)