skip to Main Content
Central de atendimento (21) 3850-5900 (21) 2556-5541 (21) 2557-4038 (21) 2557-4731

Novos Testes Neurolife

Novo Teste Disponível: RT- QuIC (DCJ)
Pesquisa da proteína priônica – Doença de Creutzfeldt Jacob Esporádica

Saiba Mais

A Doença de Creutzfeldt-Jacob (DCJ) é uma doença neurodegenerativa rara caracterizada por demência rapidamente progressiva associada a distúrbios de movimento. Em 1920, a DCJ foi inicialmente descrita na Alemanha com um incidência aproximada de 1 caso para cada milhão de pessoas. Especula-se que a doença tenha distribuição mundial, causada por príons (proteinaceous infectious particle), que são compostos proteicos modificados. Atinge classicamente pessoas acima dos 50 anos, mas a sua nova variante é observada em pessoas mais jovens.

O teste “RT-QuIC” (Real Time Quaking Induced Conversion) identifica a presença da proteína priônica em líquido cefalorraquiano, sendo realizado no laboratório do centro americano de vigilância de doença priônica (Nacional Prion Disease Pathology surveillance Center-NPDPSC), em Cleveland, Ohio. Além da pesquisa da proteína priônica são realizadas a pesquisa da Proteína 14.3.3 e a dosagem da Proteína Tau total, reconhecidos marcadores de neurodegeneração, utilizados no apoio diagnóstiico da DCJ.

Um teste RT-QUIC positivo, associado a uma síndrome neuropsiquiátrica classificada como “doença priônica provável” (CDC) e exame neuropatológico do tecido cerebral por autópsia, permite o diagnóstico definitivo. A autópsia pode colaborar na elucidação da etiologia da doença priônica (formas esporádica, adquirida ou genética). Estes testes foram desenvolvidos e validados pelo NPDPSC e ainda não foram aprovados pelo FDA. Estes ensaios devem ser correlacionados com os demais achados clínicos, patológicos e laboratoriais.

Teste Disponível

PCR Meningite Nosocomial (Plataforma Mobius) – Inclui 18 Patógenos e 20 Gens de Resistência

Saiba Mais

Patógenos Sepse
Gram (+)
Fungos
  • Streptococcus pneumoniae
  • Streptococcus agalactiae
  • Candida spp
  • Staphylococcus spp
  • Candida albicans
  • Staphylococcus aureus
  • Listeria monocytogenes
  • Enterococcus spp
  • Streptococcus spp
Gram (-)
  • Acinetobacter baumannii
  • Enterobacteriaceae (Enterobactérias)
  • Enterobacter spp
  • Escherichia coli
  • Klebsiella pneumoniae
  • Proteus spp
  • Serratia marcescens
  • Stenotrophomonas maltophilia
  • Pseudomonas aeruginosa
  • Neisseria meningitidis
Biomarcadores de Neurodegeneração, inclui:
  • Beta amilóide (40) – relação 40/42, diagnóstico patologia amiloide e Doença de Alzheimer
  • Neurofilamentos
Back To Top