Central de atendimento (21) 3850-5900 (21) 2556-5541 (21) 2557-4038 (21) 2557-4731
Saiba Como Identificar E Diferenciar Sintomas Respiratórios

Saiba como identificar e diferenciar sintomas respiratórios

O diagnóstico com exatidão de problemas respiratórios sempre foi um problema para clínicas, laboratórios e hospitais. Principalmente em problemas causados por vírus. Não havia exames com custo acessível e que oferecessem resultados rápidos e precisos a tempo de tratar os pacientes com o medicamento específico.

Outro fator que desestimulava a busca por métodos mais precisos de diagnóstico é que a maioria das chamadas “síndromes gripais” apresentavam riscos maiores somente para idosos, imunossuprimidos e crianças.

Nestes casos, exames de sangue e imagem são requisitados como forma de complementar o diagnóstico clínico.

Nova realidade

Até que começaram a surgir vírus mais agressivos e facilmente transmissíveis, como o H1N1, o H5N1 (gripe aviária), o SIV (gripe suína) e, mais recentemente, o MERS-Cov (Síndrome Respiratória Aguda do Oriente Médio) e os coronavírus (SARS-CoV e SARS-CoV-2).

Estes últimos são os causadores, respectivamente, da Síndrome Respiratória Aguda Grave e da COVID-19, que dispensa apresentações.

Toda essa variedade e principalmente a pandemia da COVID-19 traz muitas dúvidas a pacientes que manifestam sintomas respiratórios. É só uma gripe? Um resfriado? Rinite alérgica? Como, afinal, realizar o diagnóstico correto?

Os principais sintomas

Basicamente, podemos dividir os sinais e sintomas respiratórios mais comuns em quatro grandes grupos:

Sintomas da gripe

  • Tosse
  • Febre
  • Congestão nasal
  • Coriza
  • Dor de garganta
  • Dor muscular
  • Fadiga 

Sintomas do resfriado

  • Tosse
  • Congestão nasal
  • Coriza
  • Dor de garganta 

Sintomas da rinite alérgica

  • Espirros
  • Congestão nasal
  • Coriza
  • Coceira no nariz, olhos ou garganta
  • Irritação dos olhos 

Sintomas da COVID-19

  • Tosse
  • Febre
  • Fadiga
  • Congestão nasal
  • Coriza
  • Dor de garganta
  • Dor de cabeça
  • Perda do olfato e paladar
  • Diarreia
  • Cansaço
  • Dificuldade para respirar

Exame identifica agentes infecciosos com resultados rápidos 

O Neurolife, no Rio de Janeiro, já conta com uma solução que identifica 24 agentes infecciosos causadores de doenças respiratórias: o PCR Painel Respiratório. Os resultados saem em até 24 horas. Ou seja: as estratégias de prevenção e tratamento podem ser elaboradas de acordo com o agente etiológico identificado, evitando medidas restritivas em situações mais simples

Os 24 agentes identificados pelo PCR Painel Respiratório são: Adenovírus, Bocavírus, Coronavírus SARS-CoV-2, Coronavírus SARS, Coronavírus 229E, Coronavírus HKU-1, Coronavírus OC43, Coronavírus NL63, Enterovírus, Metapneumovírus, Rinovírus, Vírus Influenza A, Vírus Influenza A – subtipo H3, Vírus Influenza A – subtipo H1N1, Vírus Influenza B, Vírus Parainfluenza 1, Vírus Parainfluenza 2, Vírus Parainfluenza 3, Vírus Parainfluenza 4, Vírus Sincicial Respiratório – subtipo A, Vírus Sincicial Respiratório – subtipo B, Bordetella pertussis, Bordetella parapertussis e Mycoplasma pneumoniae.

As coletas são realizadas através de swab nasofaríngeo e orofaríngeo. O exame do Neurolife é oferecido em parceria com a Biometrix e o HLAGYN.

O diagnóstico etiológico preciso orienta as medidas de precaução de contato e as estratégias de tratamento de acordo com a virulência. Esta informação é essencial para a gestão de leitos hospitalares, além de otimizar a utilização de recursos como medicamentos, EPIs e profissionais.

Fale com o Neurolife

Se você se interessou pelo PCR Painel Respiratório, entre em contato com nossa equipe ou acesse nossa biblioteca de conteúdo para mais informações.

Back To Top